Porcelanato Líquido

Resina Epóxi em Centro Cirúrgico!

Resina Epóxi em Centro Cirúrgico!

 

Um dos benefícios da Resina Epóxi Autonivelante é a sua higiene e facilidade na limpeza. Por ser um piso monolítico, ou seja uma camada única, sem rejuntes e sem emendas. O porcelanato líquido ou Pintura Epóxi não acumula bactérias, fungos e outras parasitas no piso.

Muito recomendado para locais que envolve alimentação e saúde, como industrias alimentícias, restaurantes, lanchonetes, clínicas de saúde, beleza e estética, alas de hospitais e centro cirúrgicos.

O mais indicado para o ambiente hospitalar é piso epóxi pois nele podemos juntar resistência, durabilidade, beleza e praticidade.

Piso Epóxi em Hospitais – Centro Cirúrgico

Um dos grandes cuidados que os empreendedores em serviços de saúde devem ter ao planejar seus negócios  é a adequação às normas que regulam as exigências sanitárias, arquitetônicas e de engenharia dispostas em várias disposições legais oriundas de diferentes órgãos reguladores.

Quando trabalhamos com saúde (centro cirúrgico, odontologia e outras áreas hospitalar) é muito importante ficar atento ao cumprimento das normas editadas por meio da Resolução RDC nº 50 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA, que regulamenta o planejamento físico e estrutural, bem como a inspeção das edificações dos estabelecimentos de assistência de saúde em todo o Brasil.

Dessa forma compreendemos que materiais de construção civil, como acabamentos, por exemplo. Um dos acabamentos mais importantes no controle das condições ambientais para inibir e controlar as infecções hospitalares são os pisos, paredes, tetos e bancadas.

Os pisos utilizados devem seguir a padronização exigida pelo Ministério da Saúde e pelas agências reguladoras. É importante que o fabricante seja certificado e cumpra as normativas do Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial – INMETRO.

Estas regras exigem que os pisos sejam resistentes à lavagem constante e ao uso de fortes desinfetantes e bactericidas. Os órgãos oficiais dividem os ambientes do serviço de saúde hospitalar (ou equiparado) nas chamadas áreas críticas e áreas semicríticas conforme o destino de cada espaço.

Estas áreas exigem o uso de material cujo acabamento não permita qualquer espécie de rachaduras, frestas, ranhuras, desníveis ou trincas. Até mesmo os rejuntes devem observar condições de composição que evitem e impeçam o acúmulo de qualquer material ou sujeira onde possam se desenvolver organismos que causem ou proliferem infecção.

Tecnicamente, estes pisos dos espaços críticos e semicríticos devem ser monolíticos, há uma diversidade enorme de produtos nacionais e importados de ótima qualidade que atendem estas exigências.

Porém, sejam de cerâmica, porcelanato, de composição epóxi, vinílico, mantas moldadas, ou qualquer outro, eles não devem permitir a absorção de água em índice superior a 4%, incluindo ai as eventuais emendas e rejuntes que devem sempre ser à base de epóxi.

Este percentual de absorção da água é medido por cada peça instalada e sobre o todo da metragem do piso. A junção piso parede também não deve ter quinas em ângulos retos.  Nas áreas críticas a utilização de cimento sem os ditos aditivo anti absorvente para fugas de partes cerâmicas ou não, é proibido, tanto nos pisos como nas paredes.

É essencial que quem vá edificar ou reformar um serviço de saúde que contenha ambiente hospitalar (ou equiparado), procure o auxílio de profissionais habilitados e experientes neste tipo de construção. Quer para projetar, como para escolher e aplicar materiais. E este profissional deve assumir a responsabilidade técnica da obra e destes detalhes do piso.

 

LiquidPiso
LiquidPiso

 

Mostrar mais

Apoio ao Usuário

Nosso atendimento de serviço e apoio ao usuário funciona de segunda á sábado. Das: 09:00h ás 18:00h. Se precisa de retorno imediato. Use nosso chat online ou contate-nos por telefone, whatsapp ou email na página de contato do site.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo